Comunhão de Igrejas de Irmãos em Portugal

O Senhor Jesus Cristo é a Cabeça do Corpo, a Igreja, que é apresentada como a plenitude do Senhor. Esta é, na verdade, a elevada posição da Igreja perante o Senhor, sendo a Sua vontade que nós testifiquemos desta grande verdade.

Por isso, os filhos de Deus não podem aceitar, à luz do ensino das Escrituras, qualquer guia humano ou entidade criada pelos homens que dite regras de organização religiosa, pois tal consubstanciaria numa substituição da Cabeça do Corpo de Cristo por uma “cabeça temporal” da Igreja.

Os chamados “Irmãos em Portugal”, ao contrário do que sucede com os crentes “denominacionais” e “interdenominacionais”, não aceitam, à luz do Novo Testamento, nenhuma organização dominante, como um sínodo, presbitério, concílio, convenção ou associação para exercer autoridade sobre uma igreja ou grupo de igrejas. Cada igreja é directamente responsável perante Cristo, Cabeça da Igreja, e não podemos aceitar nem praticar seja o que for que negue aquele facto.


Departamentos CIIP

ciip_missoes
ciip_comunicações_1
ciip_jovens
ciip_norte
ciip_sul

Artigos e Notícias